segunda-feira, 25 de maio de 2009

Jo 16,29-33 - "Não estou só. O Pai está comigo"

7a Semana da Páscoa Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos
Tema: "Unidos na tua mão" (Ez 37,17)
O tema desta Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos
inspira-se no capítulo 37 do profeta Ezequiel:
"unidos na tua mão" (37,17).
Diz o texto bíblico:
Recebi de Javé a seguinte mensagem: «Criatura humana, pegue uma vara e escreva nela: 'Judá e os israelitas que estão com ele'. Depois pegue outra vara e escreva nela: 'José e os israelitas que estão com ele'. Em seguida, junte as duas, de modo que formem uma vara só e fiquem unidas em tua mão."
Este gesto profético de aproximar duas varas de madeira é a imagem da reunificação dos reinos do Norte e do Sul: Deus conta com a ação do profeta para construir a unidade. Comecemos nossa oração rezando pela unidade: Pai nosso...
Veja CELEBRAÇÃO
em

1. Leitura (Verdade)


O que diz o texto do dia?
Leio atentamente o texto: Jo 16,29-33,
e observo os discípulos dialogando com Jesus.



Então os seus discípulos disseram:
- Agora, sim, o senhor está falando claramente e não por meio de comparações. Sabemos agora que o senhor conhece tudo e não precisa que ninguém lhe faça perguntas. Por isso nós cremos que o senhor veio de Deus.
E Jesus respondeu:
- Então agora vocês crêem? Pois chegou a hora de vocês todos serem espalhados, cada um para a sua casa; e assim vão me deixar sozinho. Mas eu não estou só, pois o Pai está comigo. Eu digo isso para que, por estarem unidos comigo, vocês tenham paz. No mundo vocês vão sofrer; mas tenham coragem. Eu venci o mundo.
A assimilação prática dos ensinamentos de Jesus estão sendo assimiladas aos poucos pelos discípulos. O Mestre sabe que, apesar disso, os seus mais próximos seguidores, se dispersarão, o abandonarão na hora mais decisiva de sua vida, a sua Paixão. Os discípulos entendem intelectualmente, mas na hora de demonstrar isto na prática, abandonam Jesus. Mas, Ele, prevendo esta fraqueza, os anima, dizendo-lhes que mesmo na deserção dos amigos, Deus não o abandonará: "O Pai está comigo". E adianta-lhes: "vocês vão sofrer, mas tenham coragem. Eu venci o mundo".

2. Meditação (Caminho)

O que o texto diz para mim, hoje?
Às vezes, também eu entendo a proposta de Jesus, sei quais são os caminhos de Deus, mas não os consigo viver no dia a dia. Quero renovar minha fé de que "o Pai está comigo" e, ciente de que Jesus venceu, eu também terei a vitória sobre qualquer mal.

3.Oração (Vida)
O que o texto me leva a dizer a Deus?
Rezo, espontaneamente, e concluo com a Oração da Unidade:
Senhor,
Faze-nos perceber as discriminações e exclusões que marcam a sociedade.
Conduze nosso olhar e
ajuda-nos a reconhecer os nossos preconceitos.
Ensina-nos a expulsar todo desprezo de nosso coração,
para que apreciemos a alegria de viver na unidade. Amém.

4.Contemplação (Vida e Missão)
Qual meu novo olhar a partir da Palavra?
Meu novo olhar, como o da minha Igreja, é ecumênico: "A compreensão e a prática da eclesiologia de comunhão nos conduz ao diálogo ecumênico. A relação com os irmãos e irmãs batizados de outras Igrejas e comunidades eclesiais é um caminho irrenunciável para o discípulo e missionário, pois a falta de unidade representa um escândalo, um pecado e um atraso do cumprimento do desejo de Cristo: "para que todos sejam um, como tu, Pai,estás em mim e eu em ti. E para que também eles estejam em nós, a fim de que o mundo acredite que tu me enviaste" (Jo 17,21) (DA, 227).

Obs.: Se você quiser receber em seu endereço eletrônico o Evangelho do Dia, acesse o seguinte endereço e preencha o formulário de cadastro - http://www.paulinas.org.br/loja/CentralUsuarioLogin.aspx




















Nenhum comentário: