sábado, 19 de dezembro de 2009

Lc 1,5-25 - Um anúncio especial


Preparo-me para a Leitura Orante, rezando:
Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.
Creio, Senhor Jesus, que sou parte de seu Corpo.
Trindade Santíssima
- Pai, Filho, Espírito Santo -
presente e agindo na Igreja e na profundidade do meu ser.
Eu vos adoro, amo e agradeço.
1. Leitura (Verdade)
- O que a Palavra diz?
Leio atentamente o texto do Evangelho do dia: Lc 1,5-25.
Quando Herodes era o rei da terra de Israel, havia um sacerdote chamado Zacarias, que era do grupo dos sacerdotes de Abias. A esposa dele se chamava Isabel e também era de uma família de sacerdotes. Esse casal vivia a vida que para Deus é correta, obedecendo fielmente a todas as leis e mandamentos do Senhor. Mas não tinham filhos porque Isabel não podia ter filhos e porque os dois já eram muito velhos.



Certo dia no Templo de Jerusalém, Zacarias estava fazendo o seu trabalho de sacerdote, pois era a sua vez de fazer aquele trabalho diário. Conforme o costume dos sacerdotes, ele havia sido escolhido por sorteio para queimar o incenso no altar e por isso entrou no Templo do Senhor. Durante o tempo em que o incenso queimava, o povo lá fora fazia orações. Então um anjo do Senhor apareceu em frente de Zacarias, de pé, do lado direito do altar. Quando Zacarias o viu, ficou com medo e não sabia o que fazer. Mas o anjo lhe disse:



- Não tenha medo, Zacarias, pois Deus ouviu a sua oração! A sua esposa vai ter um filho, e você porá nele o nome de João. O nascimento dele vai trazer alegria e felicidade para você e para muita gente, pois para o Senhor Deus ele será um grande homem. Ele não deverá beber vinho nem cerveja. Ele será cheio do Espírito Santo desde o nascimento e levará muitos israelitas ao Senhor, o Deus de Israel. Ele será mandado por Deus como mensageiro e será forte e poderoso como o profeta Elias. Ele fará com que pais e filhos façam as pazes e que os desobedientes voltem a andar no caminho direito. E conseguirá preparar o povo de Israel para a vinda do Senhor.



Então Zacarias perguntou ao anjo:



- Como é que eu vou saber que isso é verdade? Estou muito velho, e a minha mulher também.



O anjo respondeu:



- Eu sou Gabriel, servo de Deus, e ele me mandou falar com você para lhe dar essa boa notícia. Você não está acreditando no que eu disse, mas isso acontecerá no tempo certo. E, porque você não acreditou, você ficará mudo e não poderá falar até o dia em que o seu filho nascer.



Enquanto isso, o povo estava esperando Zacarias, e todos estavam admirados com a demora dele no Templo. Quando saiu, Zacarias não podia falar. Então perceberam que ele havia tido uma visão no Templo. Sem poder falar, ele fazia sinais com as mãos para o povo.



Quando terminaram os seus dias de serviço no Templo, Zacarias voltou para casa. Pouco tempo depois Isabel, a sua esposa, ficou grávida e durante cinco meses não saiu de casa. E ela disse:



- Agora que o Senhor me ajudou, ninguém mais vai me desprezar por eu não ter filhos.

Era o tempo de Herodes, o Grande, como rei de Israel. Ele governou de 37 a 4 a.C. Zacarias é sacerdote. Tinha a missão de, no seu turno, oferecer o incenso no Templo. Isabel, de idade avançada, era estéril. A revelação de Deus acontece a Zacarias quando estava fazendo a oferta do incenso. É o mesmo anjo que anunciará, em seguida, a Maria, o nascimento de Jesus: Gabriel.
O texto diz “anjo do Senhor”, que biblicamente, pode significar uma manifestação visual. Causa temor pelo fato da pessoa se encontrar na presença do divino. Por isso, tanto no anúncio a Zacarias, como a Maria., ele tanquiliza: “Não temas”. Deus é paz. Sua intenção é pacífica. Depois, o anjo faz o anúncio do nascimento do filho que terá o nome de João que significa “O-Senhor-se-compadece”. Este anúncio de alegria não convence plenamente Zacarias que argumenta com o fato de ele e sua mulher estarem muito velhos. Por isso, Zacarias fica mudo até o dia do nascimento de João. E Isabel ficou grávida.


2. Meditação(Caminho)
- O que a Palavra diz para mim? Tenho fé? Acredito que para Deus tudo é possível? Como uso minha capacidade de comunicação, de fala? Os bispos na Conferência de Aparecida disseram:
“Damos graças a Deus que nos deu o dom da palavra, com a qual podemos nos comunicar entre nós e com Ele por meio de seu Filho, que é sua Palavra (cf. Jo 1,1). Damos graças a Ele que, por seu grande amor fala a nós como a amigos (cf. Jo 15,14-15). Bendizemos a Deus que se nos dá na celebração da fé, especialmente na Eucaristia, pão de vida eterna,Caminho, Verdade e Vida, em sua totalidade, tem garantida a paz e a felicidade, nesta e na outra vida!” (DA, 26).


3. Oração (Vida)
- O que a Palavra me leva a dizer a Deus? E rezo com todos:
Senhor Jesus, vivo no meio de nós,
Quero encontrá-lo no meu quotidiano,
Quero ouvir tua voz que me chama pelo nome,
Quero sentir tua presença que me faz testemunhar com convicção minha fé.
Amém.


4. Contemplação(Vida/ Missão)
- Qual o meu novo olhar a partir da Palavra?
Terei no olhar a convicção de que na fidelidade ao seguimento de Jesus, Ele me dará toda luz necessária para testemunhá-lo.


Obs.: Se você quiser receber o Evangelho do Dia, acesse o seguinte endereço e preencha o formulário de cadastro - http://www.paulinas.org.br/loja/CentralUsuarioLogin.aspx

Nenhum comentário: