domingo, 26 de junho de 2011

Mt 10,37-42 - Deus quer exclusividade

Com todos nós que nos encontramos na web, preparo-me para a Leitura Orante,
com a Oração do Brasil na missão continental
Senhor, Deus da vida e do amor,
enviastes o vosso Filho para nos libertar das forças da morte
e conduzir-nos no caminho da esperança.
Movei-nos pelo dom do vosso Espírito!
Fazei-nos discípulos, comprometidos
com o anúncio do Evangelho em
nossa Pátria,
em comunhão com a Missão Continental.
Fazei-nos missionários,
caminhando ao encontro de nossos irmãos e irmãs,
acolhendo a todos,
sobretudo os jovens, os afastados, os pobres, os excluídos.
Virgem Mãe Aparecida,
Intercedei junto ao vosso Filho,
para que sejamos fiéis ao nosso compromisso
de discípulos missionários . Amém!
1. Leitura (Verdade)
O que diz o texto do dia?
Leio atentamente, na Bíblia, o texto: Mt 10,34-11,1, e observo as recomendações de Jesus.
Não pensem que eu vim trazer paz ao mundo. Não vim trazer a paz, mas a espada. Eu vim para pôr os filhos contra os pais, as filhas contra as mães e as noras contra as sogras. E assim os piores inimigos de uma pessoa serão os seus próprios parentes.
- Quem ama o seu pai ou a sua mãe mais do que ama a mim não merece ser meu seguidor. Quem ama o seu filho ou a sua filha mais do que ama a mim não merece ser meu seguidor. Não serve para ser meu seguidor quem não estiver pronto para morrer como eu vou morrer e me acompanhar. Quem procura os seus próprios interesses nunca terá a vida verdadeira; mas quem esquece a si mesmo, porque é meu seguidor, terá a vida verdadeira.
- Quem recebe vocês está recebendo a mim; e quem me recebe está recebendo aquele que me enviou. Quem receber um profeta, porque este é profeta, terá uma parte da recompensa dele; e quem receber uma pessoa boa, porque ela é boa, terá uma parte da recompensa dela.
- Eu afirmo a vocês que isto é verdade: quem, apenas por ser meu seguidor, der ainda que seja um copo de água fria ao menor dos meus seguidores, certamente receberá a sua recompensa. Quando acabou de dar essas ordens aos seus doze discípulos, Jesus saiu daquele lugar e foi ensinar e anunciar a sua mensagem nas cidades que ficavam perto dali.
O anúncio da Boa Nova exige tomada de posição. Por isso Jesus diz que veio trazer divisões. Sempre que se escolhe um caminho, deixa-se outro. É impossível caminhar pelos dois ao mesmo tempo.Os discípulos e missionários de Jesus devem manter-se fiéis ao compromisso de seguimento do Mestre. Nada deve ser obstáculo ou impedimento, nem os próprios interesses, nem a própria família. Jesus fala também das recompensas de seu seguidor. Quem se esquece por causa de Jesus, terá a verdadeira vida.Os bispos, em Aparecida, confirmaram esta vocação, quando disseram: "Diante do subjetivismo hedonista, Jesus propõe entregar a vida para ganha-la, porque "quem aprecia sua vida terrena, perdê-la-á" (Jo 12,25). É próprio do discípulo de Jesus gastar sua vida como sal da terra e luz do mundo. Diante do individualismo, Jesus convoca a viver e caminhar juntos. A vida cristã só se aprofunda e se desenvolve na comunhão fraterna. Jesus nos disse "um é seu mestre e todos vocês são irmãos" (Mt 23,8). Diante da despersonalização, Jesus ajuda a construir identidades integradas." (DAp 110). " A própria vocação, a própria liberdade e a própria originalidade são dons de Deus para a plenitude e a serviço do mundo." (DAp111).
2. Meditação (Caminho)
que o texto diz para mim, hoje?
também tenho uma vocação específica na Igreja.
Esta pode ser a vocação leiga. Pode ser para a vida sacerdotal,
pode ser para a vida religiosa.
Em qualquer uma delas tenho o compromisso de discípulo/a e missionário/a de Jesus Cristo. Como vivo esta vocação?
3.Oração (Vida)
O que o texto me leva a dizer a Deus?
Rezo, espontaneamente, com salmos ou outras orações e concluo:
Rezo, com o bem-aventurado Alberione:
Jesus Mestre,
que eu pense com a tua inteligência e com a tua sabedoria.
Que eu ame com o teu Coração.
Que eu veja sempre com os teus olhos.
Que eu fale com a tua língua.
Que eu ouça somente com teus ouvidos.
Que eu saboreie aquilo que tu gostas.
Que as minhas mãos sejam as tuas.
Que os meus pés sigam os teus passos.
Que eu reze com as tuas orações.
Que meu tratamento seja o teu.
Que eu celebre como tu te imolaste.
Que eu esteja em ti e tu em mim,de modo que eu desapareça.
(Bem-aventurado Tiago Alberione)
4.Contemplação (Vida e Missão)
Qual meu novo olhar a partir da Palavra?
Como vou vivê-lo na missão?
Proponho, diante da despersonalização,com Jesus, ajudar a construir identidades integradas, no meio em que vivo.
Bênção
- Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
- Ele nos mostre a sua face e se compadeça de nós. Amém.
-Volte para nós o seu olhar e nos dê a sua paz. Amém.
- Abençoe-nos Deus misericordioso, Pai e Filho e Espírito Santo. Amém.

Acompanhe uma reflexão específica sobre o Documento de Aparecida em
http://testemunhasdoreino.blogspot.com/


Nenhum comentário: