quinta-feira, 23 de junho de 2016

Mt 7,21-29 - Quem entra no Reino de Deus?

O homem sábio construiu a sua casa na rocha.
Preparo-me para a Leitura Orante, 
rezando com todos os que se encontram neste espaço virtual de oração:

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. 

Creio, Senhor Jesus, que sou parte de seu Corpo. 
Trindade Santíssima 
- Pai, Filho, Espírito Santo - 
presente e agindo na Igreja 
e na profundidade do meu ser. 
Eu vos adoro, amo e agradeço.


1.Leitura (Verdade)
Leio atentamente, na Bíblia, o texto Mt 7,21-29.
Não é toda pessoa que me chama de "Senhor, Senhor" que entrará no Reino do Céu, mas somente quem faz a vontade do meu Pai, que está no céu. Quando aquele dia chegar, muitas pessoas vão me dizer: "Senhor, Senhor, pelo poder do seu nome anunciamos a mensagem de Deus e pelo seu nome expulsamos demônios e fizemos muitos milagres!" Então eu direi claramente a essas pessoas: "Eu nunca conheci vocês! Afastem-se de mim, vocês que só fazem o mal!"
- Quem ouve esses meus ensinamentos e vive de acordo com eles é como um homem sábio que construiu a sua casa na rocha. Caiu a chuva, vieram as enchentes, e o vento soprou com força contra aquela casa. Porém ela não caiu porque havia sido construída na rocha.
- Quem ouve esses meus ensinamentos e não vive de acordo com eles é como um homem sem juízo que construiu a sua casa na areia. Caiu a chuva, vieram as enchentes, e o vento soprou com força contra aquela casa. Ela caiu e ficou totalmente destruída. Quando Jesus acabou de falar, as multidões estavam admiradas com a sua maneira de ensinar. Ele não era como os mestres da Lei; pelo contrário, ensinava com a autoridade dele mesmo.
Refletindo
Construir a casa significa ouvir a Palavra de Deus.
 Nos dois casos, as pessoas "ouviram a Palavra".
A diferença está em que um "vive de acordo com os ensinamentos" e outro, não.
Os símbolos rocha e areia correspondem à prática ou não da Palavra.
A chuva, as enchentes e o vento forte representam as dificuldades da vida,
que querem nos derrubar e destruir o Projeto de Deus.
Já a casa construída sobre a rocha, vence todos os obstáculos, ouve a Palavra e a vive,  e vence todos os obstáculos que o afasta dela.

2. Meditação (Caminho)
O que o texto diz para mim, hoje?
Verifico se ouço a Palavra e a pratico,ou se, simplesmente,a ouço.Construo sobre a rocha ou sobre a areia?
Meditando
Os bispos, em Aparecida, disseram: "Ser discípulo é dom destinado a crescer. A iniciação cristã dá a possibilidade de uma aprendizagem gradual no conhecimento, no amor e no seguimento de Cristo. Dessa forma, ela forja a identidade cristã com as convicções fundamentais e acompanha a busca do sentido da vida. É necessário assumir a dinâmica catequética da iniciação cristã. Uma comunidade que assume a iniciação cristã renova sua vida comunitária e desperta seu caráter missionário. Isso requer novas atitudes pastorais por parte dos bispos, presbíteros, diáconos, pessoas consagradas e agentes de pastoral.
Como características do discípulo, indicadas pela iniciação cristã, destacamos: que ele tenha como centro a pessoa de Jesus Cristo, nosso Salvador e plenitude de nossa humanidade, fonte de toda maturidade humana e cristã; que tenha espírito de oração, seja amante da Palavra, pratique a confissão freqüente e participe da Eucaristia; que se insira cordialmente na comunidade eclesial e social, seja solidário no amor e fervoroso missionário
."
(DAp 291, 292).


3.Oração (Vida)
O que o texto me leva a dizer a Deus?
Rezo, espontaneamente, com salmos ou outras orações e concluo com:
Oração do século XXI

Senhor, faz de mim um meio da tua comunicação, 

- Onde tantos lançam bombas de destruição, 
que eu leve a palavra de união.
 - Onde tantos procuram ser servidos,
que eu leve a alegria de servir.
- Onde tantos fecham a mão para atacar,
que eu abra o coração para acolher.
- Onde tantos adoram a máquina,
que eu saiba humanizar a pessoa.
- Onde tantos endeusam a técnica,
que eu leve o sentido de viver. 
- Onde tantos me pedem um peixe,
que eu saiba ensinar a pescar.
- Onde tantos me pedem pão,
que eu saiba ensinar a plantar.
- Onde tantos estão sempre distantes,
que eu seja alguém sempre presente.
- Onde tantos só vivem a matéria que passa, 
que eu viva o espírito que fica.
- Onde tantos sofrem a solidão na multidão,
que eu leve o encontro com alguém.
- Onde tantos olham só para a terra,
que eu saiba olhar para o céu. 
- Onde tantos se prendem a pequenas coisas,
que eu saiba apontar coisas maiores.


4.Contemplação (Vida e Missão)
Qual meu novo olhar a partir da Palavra?
Meu novo olhar é atento aos ensinamentos de Jesus e para vivê-los no dia-a-dia.

Bênção
- Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
- Ele nos mostre a sua face e se compadeça de nós. Amém.
- Volte para nós o seu olhar e nos dê a sua paz. Amém.
- Abençoe-nos Deus misericordioso, Pai e Filho e Espírito Santo. Amém
.


Irmã Patrícia Silva, fsp
patricia.silva@paulinas.com.br



2 comentários:

Gabriel Melo disse...

Começando bem o dia com a palavra de Deus. Amém.

Maristela Falvilio disse...

Amem....