segunda-feira, 5 de junho de 2017

Mc 12,1-12 - Parábola dos lavradores gananciosos

Aconteceu na parábola da vinha
Colocamo-nos na presença de Deus, invocando Jesus Mestre Caminho, Verdade e Vida:

Oração para antes de ler a Bíblia

Jesus Mestre, que dissestes:
 “Onde dois ou mais estiverem reunidos em meu nome, eu aí estarei no meio deles”, ficai conosco, aqui reunidos para melhor meditar e comungar com vossa Palavra.
Sois o Mestre e a Verdade: 
iluminai-nos, para que melhor compreendamos as Sagradas Escrituras.
Sois o Guia e o Caminho: 
fazei-nos dóceis ao vosso seguimento.  
Sois a Vida: 
transformai nosso coração em terra boa, 
onde a Palavra de Deus produza frutos abundantes de santidade e de apostolado.
Amém.
1. Leitura ( Verdade)
O que o texto diz? Leio atenta, e lentamente, na Bíblia, o texto do dia: Mc 12,1-12 .
Depois Jesus começou a falar por meio de parábolas. Ele disse:
- Certo homem fez uma plantação de uvas e pôs uma cerca em volta dela. Construiu um tanque para pisar as uvas e fazer vinho e construiu uma torre para o vigia. Em seguida, arrendou a plantação para alguns lavradores e foi viajar. Quando chegou o tempo da colheita, o dono enviou um empregado para receber a sua parte. Mas os lavradores agarraram o empregado, bateram nele e o mandaram de volta sem nada. O dono mandou mais um empregado, mas eles bateram na cabeça dele e o trataram de um modo vergonhoso. E ainda outro foi mandado para lá, mas os lavradores o mataram. E o mesmo aconteceu com muitos mais - uns foram surrados, e outros foram mortos. E agora a única pessoa que o dono da plantação tinha para mandar lá era o seu querido filho. Finalmente ele o mandou, pensando assim: "O meu filho eles vão respeitar." Mas os lavradores disseram uns aos outros: "Este é o filho do dono; ele vai herdar a plantação. Vamos matá-lo, e a plantação será nossa."
- Então agarraram o filho, e o mataram, e jogaram o corpo para fora da plantação. Aí Jesus perguntou:
- E agora, o que é que o dono da plantação vai fazer? Ele virá, matará aqueles homens e entregará a plantação a outros lavradores. Vocês não leram o que as Escrituras Sagradas dizem? "A pedra que os construtores rejeitaram veio a ser a mais importante de todas. Isso foi feito pelo Senhor e é uma coisa maravilhosa!"
 

Refletindo
Os líderes judeus sabiam que a parábola era contra eles e quiseram prender Jesus, mas tinham medo do povo. Por isso deixaram Jesus em paz e foram embora.
Algumas perguntas podem me ajudar: Quais são as palavras-chaves do texto? Onde ocorre o fato? Que pessoas aparecem? Como interagem, como se relacionam? Quais expressões e atitudes revelam vida ou não-vida? Na parábola de Jesus vê-se a atitude carinhosa e paciente de Deus para conosco. Plantar a vinha e protegê-la com um vigia significa o amor de Deus pelo povo. Deus enviou diversos empregados para receber a sua parte na colheita. Enviou até seu Filho, mas todos foram mortos, rejeitados. Assim agiram com Jesus os líderes judeus.

2.Meditação (Caminho)
O que esse texto me diz hoje?
Qual frase mais me toca o coração? Que atitude me sugere e me revela?
Como assumir na minha vida os valores do Evangelho?
Que aspecto de minha vida precisa ser mudado?
Meditando
Disseram os bispos, em Aparecida:
Certamente que a recordação de um passado glorioso não pode ignorar as sombras que acompanharam a obra de evangelização do continente latino-americano: não é possível esquecer os sofrimentos e as injustiças que infligiram os colonizadores às populações indígenas, pisoteadas em seus direitos humanos fundamentais. Mas, a obrigatória menção desses crimes injustificáveis – já condenados por missionários como Bartolomeu de las Casas e por teólogos como Francisco de Vitória, da Universidade de Salamanca – não deve impedir de reconhecer com gratidão a admirável obra realizada pela graça divina entre essas populações ao longo destes séculos”. No entanto, o mais decisivo na Igreja é sempre a ação santa de seu Senhor."(DAp 5)
Como acolho as mensagens que Deus me envia, os apelos que ele me faz? Acolho ou ignoro, ou, pior ainda, "mato" as propostas de Deus para dar-lhe o meu coração, a minha vida, a minha contribuição para o crescimento do Reino?

3. Oração (Vida)
O que a leitura e a meditação me fazem dizer a Deus? Tudo o que foi lido e meditado transformo em oração.Agora falo com Deus através do louvor, do agradecimento, da súplica, do pedido de perdão.
Rezo com toda a Igreja:
Oração do Ano Santo da Misericórdia

Senhor Jesus Cristo que nos ensinastes a
ser misericordiosos como o Pai celeste,
e nos dissestes quem vos vê, vê a Ele.

Mostrai-nos o vosso rosto e seremos salvos.
O vosso olhar amoroso libertou Zaqueu e
Mateus da escravidão do dinheiro;
a adúltera e  Madalena de colocar
a felicidade apenas numa criatura;
fez Pedro chorar depois da traição,
e assegurou o Paraíso ao ladrão arrependido.

Fazei que cada um de nós considere,
como dirigida a si mesmo
as palavras que dissestes à mulher samaritana:
“Se tu conhecesses o dom de Deus!”

Vós sois o rosto visível do Pai invisível,
do  Deus que manifesta sua onipotência sobretudo
com o perdão e a misericórdia.
Fazei que, a Igreja seja no mundo,
 o rosto visível de vós,
seu Senhor, ressuscitado e na glória.

Vós quisestes que os vossos ministros
fossem também eles revestidos de fraqueza,
para sentirem justa compaixão por aqueles que
estão na ignorância e no erro:

Fazei que todos os que se aproximarem
de cada um deles se sintam esperados,
amados e perdoados por Deus.
Enviai o vosso Espírito e consagrai-nos a
todos com a vossa unção,
para que o Jubileu da Misericórdia
seja um ano de graça do Senhor
e vossa Igreja possa, com renovado entusiasmo,
levar aos pobres a alegre mensagem,
proclamar aos cativos e oprimidos a libertação
e aos cegos restaurar a vista.

Nós vo-lo pedimos por intercessão de Maria,
Mãe da Misericórdia,
a vós que viveis e reinais
com o Pai e o Espírito Santo,
pelos séculos dos séculos.
Amém!

4.  Contemplação (Vida)

Contemplar é ver a vida com os olhos iluminados pela Palavra e pelo Espírito. Pergunto-me:
O que esse texto me leva a assumir na minha vida diária?
Hoje me proponho acolher com amor todos os apelos de Deus.

Bênção

- Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
- Ele nos mostre a sua face e se compadeça de nós. Amém.
- Volte para nós o seu olhar e nos dê a sua paz. Amém. 

- Abençoe-nos Deus misericordioso, Pai e Filho e Espírito Santo. Amém.

Irmã Patrícia Silva, fsp

irpatriciasa@gmail.com