sexta-feira, 19 de janeiro de 2018

Mc 3,13-19 – Jesus constitui sua equipe de apóstolos

Saudação
- A nós, a paz de Deus, nosso Pai,
a graça e a alegria de Nosso Senhor Jesus Cristo,
no amor e na comunhão do Espírito Santo.
- Bendito seja Deus que nos reuniu no amor de Cristo!
Preparo-me ao encontro com Deus mediante sua Palavra, rezando: Vem, Espírito Santo, nos nossos corações,
e concede-nos, por intercessão de Maria,
a graça de ler e reler as Escrituras.
Concede-nos, Espírito Santo,
a graça de reconhecer a obra de Deus atuante na História
e a sua presença de misericórdia.
Amém.



1. Leitura (Verdade)
O que diz o texto do dia?
Leio atentamente o texto: Mc 3, 13-19, e observo pessoas que Jesus chama e o que lhes recomenda.
Jesus subiu um monte, chamou os que ele quis, e eles foram para perto dele. Então escolheu doze homens para ficarem com ele e serem enviados para anunciar o evangelho. A esses doze ele chamou de apóstolos. Eles receberam autoridade para expulsar demônios. Os doze foram estes: Simão, a quem Jesus deu o nome de Pedro; Tiago e João, filhos de Zebedeu (a estes ele deu o nome de Boanerges, que quer dizer "Filhos do Trovão"); André, Filipe, Bartolomeu, Mateus, Tomé, Tiago, filho de Alfeu; Tadeu, Simão, o nacionalista; e Judas Iscariotes, que traiu Jesus.

Refletindo
Jesus não chamou para seu grupo os mais preparados do seu tempo, mas, os mais disponíveis. Há um provérbio popular que diz: “Deus não chamou os mais capacitados, mas capacitou os que chamou”. Chamou simples pescadores – Pedro, André, Tiago, João. Chamou o cobrador de impostos. Chamou gente simples. Não significa que discriminou. Apenas, significa que o coração mais simples está livre de muitas preocupações. Estes chamados recebem o mesmo poder de Jesus: anunciar o Reino, autoridade para expulsar os espíritos maus e curar todas as doenças, missão de libertar as pessoas de todos os males.

  
2. Meditação (Caminho)
O que o texto diz para mim, hoje?
Sou livre para seguir Jesus? Pelo batismo todo cristão é chamado a seguir Jesus de acordo com seu estado de vida. 
Meditando
Os bispos, em Aparecida, falam deste chamado:
A admiração pela pessoa de Jesus, seu chamado e seu olhar de amor despertam uma resposta consciente e livre desde o mais íntimo do coração do discípulo, uma adesão de toda sua pessoa ao saber que Cristo o chama por seu nome (cf. Jo 10,3). É um “sim” que compromete radicalmente a liberdade do discípulo a se entregar a Jesus, Caminho, Verdade e Vida (cf. Jo 14,6). É uma resposta de amor a quem o amou primeiro “até o extremo” (cf. Jo 13,1). A resposta do discípulo amadurece neste amor de Jesus: “Te seguirei por onde quer que vás(Lc 9,57). (DAp 136).

 3.Oração (Vida)
O que a Palavra me leva a dizer a Deus? 
Oração do leigo no Ano Nacional do Laicato

Ó Trindade Santa, / 
Amor pleno e eterno, / 
que estabelecestes a Igreja como vossa 'imagem terrena':
Nós vos agradecemos / 
pelos dons, carismas, / vocações,
ministérios e serviços / 
que todos os membros do vosso
povo realizam / 
como “Igreja em saída”, /
 para o bem comum, / 
a missão evangelizadora / 
e a transformação social, / 
no caminho vosso Reino.
Nós vos louvamos / 
pela presença e organização dos
cristãos leigos e leigas no Brasil / 
sujeitos eclesiais, testemunhas de fé, / 
santidade e ação transformadora.
Nós vos pedimos, que os batizados / 
atuem como sal da terra e luz do mundo: / 
na família, no trabalho, / 
na política, e na economia, / 
nas ciências e nas artes, / 
na educação, na cultura e nos meios de comunicação; / 
na cidade, no campo e em todo o planeta, / 
nossa “casa comum”. Nós vos rogamos que todos contribuam / 
para que os cristãos leigos e leigas / 
compreendam sua vocação e identidade, / 
espiritualidade e missão, / 
e atuem de forma organizada na Igreja e na sociedade / 
à luz da evangélica opção preferencial pelos pobres.
Isto vos suplicamos /
 pela intercessão da Sagrada Família,
/ Jesus, Maria e José, / 
modelos para todos os cristão /
Amém!
4.Contemplação (Vida e Missão)
Qual meu novo olhar a partir da Palavra?
“Somos chamados a encarnar o Evangelho no coração do mundo”(DGAE 2008-2009, no 21). Como vou vivê-lo na missão?
Meu novo olhar me leva a viver a missão de apóstolo e missionário.

 
Bênção

- Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
- Ele nos mostre a sua face e se compadeça de nós. Amém.
- Volte para nós o seu olhar e nos dê a sua paz. Amém.
- Abençoe-nos Deus misericordioso, Pai e Filho e Espírito Santo. Amém.


Ir. Patrícia Silva, fsp 
ir.patricias@gmail.com