terça-feira, 9 de fevereiro de 2010

Mc 7,1-13 - Jesus prioriza a solidariedade

Preparo-me para a Leitura Orante rezando a
Oração do XVI Congresso Eucarístico Nacional
Senhor Jesus, Tu és o Caminho!
Em meio a sombras e luzes,
alegrias e esperanças, tristezas e angústias,
Tu nos levas ao Pai.
Não nos deixes caminhar sozinhos.
Fica conosco, Senhor!
1.Leitura ( Verdade)
O que a Palavra diz?
Leio o texto do dia: Mc 7,1-13.
Alguns fariseus e alguns mestres da Lei que tinham vindo de Jerusalém reuniram-se em volta de Jesus. Eles viram que alguns dos discípulos dele estavam comendo com mãos impuras, quer dizer, não tinham lavado as mãos como os fariseus mandavam o povo fazer.

(Os judeus, e especialmente os fariseus, seguem os ensinamentos que receberam dos antigos: eles só comem depois de lavar as mãos com bastante cuidado. E, antes de comer, lavam tudo o que vem do mercado. Seguem ainda muitos outros costumes, como a maneira certa de lavar copos, jarros, vasilhas de metal e camas.)
Os fariseus e os mestres da Lei perguntaram a Jesus:
- Por que é que os seus discípulos não obedecem aos ensinamentos dos antigos e comem sem lavar as mãos?
Jesus respondeu:
- Hipócritas! Como Isaías estava certo quando falou a respeito de vocês! Ele escreveu assim:
"Deus disse:
Este povo com a sua boca diz
que me respeita,
mas na verdade o seu coração
está longe de mim.
A adoração deste povo é inútil,
pois eles ensinam leis humanas
como se fossem mandamentos de Deus."
E continuou:
- Vocês abandonam o mandamento de Deus e obedecem a ensinamentos humanos.
E Jesus terminou, dizendo:
- Vocês arranjam sempre um jeito de pôr de lado o mandamento de Deus, para seguir os seus próprios ensinamentos. Pois Moisés ordenou: "Respeite o seu pai e a sua mãe." E disse também: "Que seja morto aquele que amaldiçoar o seu pai ou a sua mãe!" Mas vocês ensinam que, se alguém tem alguma coisa que poderia usar para ajudar os seus pais, mas diz: "Eu dediquei isto a Deus", então ele não precisa ajudar os seus pais. Assim vocês desprezam a palavra de Deus, trocando-a por ensinamentos que passam de pais para filhos. E vocês fazem muitas outras coisas como esta.

O que diz? Fala das tradições judaicas que separavam o que era puro e o que era impuro. Impuras eram para eles a maioria das pessoas. Assim, havia uma separação do sagrado e do profano.
Se a prioridade dos fariseus e escribas é essa separação, a prioridade de Jesus é outra. É a solidariedade com as pessoas em qualquer circunstância da vida: abandono, opressão, enfermidade. Jesus age de forma livre das tradições.
Senhor, Tu és a Verdade!
Desperta nossas mentes
e faze arder nossos corações com a tua Palavra.
Que ela ilumine e aqueça os corações sedentos de justiça e santidade.
Ajuda-nos a sentir a beleza de crer em Ti!
Fica conosco, Senhor!

2. Meditação (Caminho)
- O que a Palavra diz para mim?
Como vivo a minha fé? Repito as tradições? Quero que as outras pessoas sigam o meu padrão? Que rezem do meu jeito, que sigam determinadas fórmulas .... Ou sou livre como Jesus para fazer o bem sempre?

3. Oração (Vida)
- O que a Palavra me leva a dizer a Deus? Rezo em silêncio e, depois, com todos que rezam na rede:
Senhor, Tu és a Vida!
Abre nossos olhos para te reconhecermos
no “partir o Pão”, sublime Sacramento da Eucaristia!
Alimenta-nos com o Pão da Unidade.
Sustenta-nos em nossa fragilidade.
Consola-nos em nossos sofrimentos,
Faze-nos solidários com os pobres, os oprimidos e excluídos.
Fica conosco, Senhor!
4. Contemplação (Vida)
- Qual o meu novo olhar a partir da Palavra?
A partir da prática de Jesus, vou viver hoje com coerência cristã e rejeitar toda hipocrisia. Finalizamos rezando:
Jesus Cristo: Caminho, Verdade e Vida,
No vigor do Espírito Santo,
Faze-nos teus discípulos missionários!
Com a humilde serva do Senhor, nossa Mãe Aparecida, queremos ser:
Alegres no Caminho para a Terra Prometida!
corajosas testemunhas da Verdade libertadora!
promotores da Vida em plenitude!
Fica conosco, Senhor! Amém!

Nenhum comentário: